sexta-feira, 3 de junho de 2011

9 Comentários Absurdos sobre Ciência e Tecnologia


A maior parte de nós sabe que a Ciência e a Tecnologia evoluem a passos largos todos os dias. A parafernália tecnológica ao seu redor não nos deixa mentir. No entanto, sempre aparece um cético cabeça-dura por aí que cisma que as coisas não vão dar certo e que a próxima invenção tecnológica revolucionária não vai vingar.
Confira a seguir 10 frases memoráveis e até aplaudidas na época que acabaram virando bobagem pérolas para as gerações seguintes.

1. “Pessoas bem informadas sabem que é impossível transmitir a voz através de fios e que, se fosse possível fazer isto, esta coisa não teria valor prático algum” – editorial do Boston Post, em 1865.


Nove anos antes, o italiano Antonio Meucci havia construído um telefone eletromagnético para conectar seu escritório ao seu quarto, localizado no segundo andar da casa, pois sua esposa sofria de reumatismo. Mas a invenção só ficou famosa nas mãos de Alexander Graham Bell, em 1876. Parece que o mundo sempre esteve cheio de desinformados teimosos.


2. “Raio-X é uma fraude” – Lord Kelvin, físico britânico, em 1900.


Kelvin afirmou que não acreditava na descoberta feita em 1875 por Wilhelm Röntgen e aperfeiçoada por Marie Curie nas décadas seguintes. Acusação grave!

3. “Estas supostas teorias de Einstein são meros delírios de uma mente poluída pelo nonsense liberal-democrático que são totalmente inaceitáveis para os homens alemães da Ciência” – Walter Gross, médico nazista, em 1940.


A física moderna discorda, doutor! Com ou sem pensamento liberal-democrático, o fato é que seu compatriota estava certo. Prêmio Nobel para Einstein.

4. “Perfurar para pegar petróleo? Você quer dizer perfurar o solo para tentar procurar petróleo? Você está louco!” – homens que se recusaram a trabalhar para o petroleiro Edwin L. Drake em 1859.


Por sorte, outros trabalhadores precisavam do dinheiro e toparam o serviço, transformando Drake no primeiro homem a encontrar petróleo debaixo da terra americana.

5. “A teoria dos germes criada pelo Louis Pasteur é uma ficção ridícula” – Pierre Pachet, professor de Psicologia de Toulouse, em 1872.


Nem um pouco ficção. Pasteur provou que a fermentação é causada por microorganismos que surgem através de biogênese e que a melhor forma de evitar o surgimento de bactérias maléficas é ferver tudo muito bem. Nossa saúde agradece!

6. “Não existe razão nenhuma para alguém querer ter um computador dentro de casa” – Ken Olson, empresário, em 1977.


Olson era presidente e fundador da Digital Equipment Corp. (DEC), empresa produtora de computadores de grande porte em 1977. Poucos anos depois, os jovens Bill Gates, Paul Allen, Steve Jobs e Steve Wosniak conseguiram provar o contrário. Graças a eles, você está lendo isso agora.

7. Colocar um homem em um foguete e projetá-lo até o campo gravitacional da Lua – talvez pisar lá – e voltar à Terra: tudo isto constitui um sonho maluco digno de Júlio Verne. (…) Este tipo de viagem feita pelo homem nunca vai acontecer, independentemente de todos os avanços no futuro” – Lee DeForest, físico, em 1957.


O cientista americano era pioneiro em estudos sobre radiotransmissão. Sim, para um homem da Ciência, até que DeForest era bem cético. Só que em 1968 os tripulantes da Apollo 8 chegaram ao campo gravitacional da Lua e, em 69, a Apollo 11 de Neil Armstrong pousou com muito sucesso. Pena que DeForest não pode acompanhar o acontecimento – ele faleceu em 1961.

8. “Como você vai fazer um barco navegar contra o vento e contra a corrente só acendendo uma fogueira embaixo do deck?” – Napoleão Bonaparte, sobre o barco a vapor do engenheiro americano Robert Fulton, em 1803.


A primeira embarcação a vapor foi criada em 1787. Fulton construiu a sua versão e mostrou ao imperador francês. Napoleão pode até ter duvidado do homem na hora, mas no ano seguinte, voltou atrás e contratou Fulton para construir o Nautilus, o primeiro submarino funcional da história.

9. “A televisão não vai ser capaz de se manter em nenhum mercado depois dos primeiros seis meses. As pessoas vão se cansar logo de ficar encarando uma caixa de madeira compensada todas as noites” – Darryl Zanuck, produtor de cinema da Fox, em 1946.


Zanuck não sabia de nada. Para se ter uma ideia, só o lucro mundial das TVs por assinatura subiu para 240 bilhões de dólares em 2010. Quem aí está cansado?

BÔNUS

O cinema é só um pouco mais que uma moda passageira. É drama enlatado. O que a audiência realmente quer é ver carne e sangue no palco – por mais incrível que pareça, a citação é de Charlie Chaplin, feita em 1916. Na época, ele mal podia imaginar que em muito pouco tempo a indústria cinematográfica viria a ser tão bilionária e competitiva – em 2009, o lucro mundial do cinema foi de 29,2 bilhões de dólares. Enquanto isto, o teatro foi deixado na categoria “diversão para poucos”.